REFLEXÕES SOBRE POSSÍVEIS COMPARAÇÕES ENTRE A EDUCAÇÃO NA FINLÂNDIA E A EDUCAÇÃO NO BRASIL

REFLEXÕES SOBRE POSSÍVEIS COMPARAÇÕES ENTRE A EDUCAÇÃO NA FINLÂNDIA E A EDUCAÇÃO NO BRASIL

Benigna Maria de Freitas Villas Boas

Nas duas últimas publicações deste blog, foram apresentadas informações sobre a excelência da educação na Finlândia. Quando lemos sobre este tema, em um primeiro momento, somos levados a fazer comparação entre esse país e o Brasil. Temos, sim, muito a aprender com a Finlândia, mas temos de ser cautelosos e críticos. São duas culturas muito diferentes. Há muitos aspectos a considerar. Aqui ressaltamos apenas um deles: a formação dos professores lá, segundo relatos, é rígida. Todos têm curso de mestrado. A seleção para ingresso na carreira é exigente. Eles se sentem valorizados e satisfeitos com sua atuação. Sem excelentes educadores não se consegue desenvolver educação de qualidade. Nossos cursos de formação de docentes ainda deixam a desejar. Uma das maiores necessidades para construirmos trabalho pedagógico que se comprometa com as aprendizagens de todos os estudantes da educação básica é a formação adequada desses profissionais e de todos os que atuam nas escolas. Read more →